Agrupamento Musical Charamba
A VIOLA DA TERRA
A viola, que terá chegado aos Açores no início do povoamento do
arquipélago, é o mais característico meio de expressão instrumental da
música popular açoriana, sendo conhecida por Viola da Terra ou Viola de
Arame.

Tempo houve em que era o único instrumento de acompanhamento da
voz dos cantores e improvisadores, em cantorias e desafios, ou em
danças recreativas. Em todo o arquipélago foi-se posteriormente
associando com outros instrumentos musicais, rabeca, guitarra bandolim,
violão, pandeiros, ferrinhos ou o acordeão, dando origem a formações de
composição variada.

A viola da Terceira foi objecto de uma evolução organológica distinta e
mais elaborada do que no resto do arquipélago, existindo três subtipos,
consoante o número de coras: doze cordas (cinco parcelas), quinze
cordas (seis parcelas) ou dezoito cordas (sete parcelas). As três
primeiras parcelas têm cordas duplas de arame e as duas, três ou quatro
parcelas seguintes, mais graves, têm cordas triplas, sendo duas de
arame e um bordão.

Ao contrário do que acontece nas outras ilhas, a viola terceirense tem
apenas uma abertura sonora, redonda, emoldurada por filetes de
madeira exótica. A escala prolonga-se até à boca e sobrepõe-se ao
tampo, cuja base é ornamentada com embutidos florais. O cavalete, que
é rectangular, varia nas extremidades, podendo ter uma pirâmide
quadrangular ou uma flor de quatro pétalas.
Tipos de Violas da Terra
12, 15 e 18 cordas
Voltar a Os Charamba
Página Inicial de Os Charamba
Os Charamba
A Viola da Terra                             O Grupo                                   Fotografias                  Os Charamba no Youtube
Contacto                                    Actuações                                Os Músicos                        Programa Exemplo                       Links
logotipo Ilha Terceira Net A memoria